Dissidente Cognitivo

Em geral, não observamos a realidade como é, mas aquilo se apresenta aos nossos recursos de interpretação dessa realidade. Somos, dessa forma, afetados por modelos mentais, que em muitos casos nos derrubam, nos derrotam.

Atribuímos significados ao que nos cerca. Não adquirimos a objetividade do mundo, tal qual uma visão empirista clássica. E modelos mentais podem impedir nossas realizações pessoais.

Vi a expressão dissidente cognitivo pela primeira vez num cartão de visita que me foi oferecido por John Perry Barlow, fundador da Electronic Frontier Foundation, e letrista do Grateful Dead. Li um comentário de Bill Gates classificando John Barlow como “aquele tipo de pessoa que é famosa porque é famosa”. Achei interessante tal colocação.

Eu o conheci no MIT (Massachusetts Institute of Technology), na reunião de estabelecimento da Fundação 2B1 do Futuro Digital das Crianças, promovida por Nicholas Negroponte e sediada no MIT Media Lab. Era 1997, e a Internet começava a se alastrar de forma incontida e surpreendente. Num final de tarde, voltando para o dormitório (McCormick Hall), tive a oportunidade de conhecer essa figura única.

John se auto intitula um “dissidente cognitivo”. E me reconheci nesta definição quando a pesquisei melhor, e descobri que tem um viés psicológico (que certamente não é o que pretendo quando utilizo a expressão), mas também uma interpretação relacionada com a pessoa que possui uma opinião contrária à narrativa oficial da história e da cultura. Um ativista que dissemina informação com a intensão de mudar a opinião das pessoas em relação ao status quo. Eis o que sinto em relação à educação. Por conta de minha formação, e por conta de minha experiência profissional e de vida.

É dissidente alguém que difere da maioria em relação a dado assunto, e tem a coragem de desafiar essa maioria com discussão e debate dialéticos e críticos, buscando um entendimento mais compreensivo e passível de novos ângulos de argumentação.

Valeu John! Obrigado pela definição que eu sempre precisei.

Em Piracicaba, feriado de 7 de setembro de 2016.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s